Inspiração e por que isso importa

Inspiração e por que isso importa

Em minha opinião, liderança é uma jornada da execução à capacitação. Você deixa de ser um contribuidor individual para desenvolver, capacitar e inspirar outros a pensar, criar, executar e liderar por conta própria. Você se torna intencional ao encorajar os outros a tomar suas próprias decisões e a agir de acordo com essas decisões sem uma orientação expressa sua. Desenvolver e capacitar outros para liderar é uma ação direta que é canalizada de você para outra pessoa. No entanto, inspirar verdadeiramente alguém é uma motivação indireta que vem de outra pessoa, como resultado das atitudes e comportamentos que você exibe como líder.

Em sua essência, inspirar significa provocar uma ação, sentimento ou pensamento; ou, como afirma o dicionário Merriam-Webster, “fazer alguém querer fazer algo”. Como líder, seu comportamento, discurso, atitude e entrega devem motivar os outros à ação, geralmente uma ação positiva. Como um líder decidido, seu comportamento deve motivar os outros a agir com excelência, a ser o melhor que podem ser naquele momento e a fazê-lo deliberadamente.

Uma das maneiras mais poderosas de criar esse impulso positivo de executar com excelência entre os outros é exemplificar isso consistentemente em seu próprio comportamento. Quando aqueles que estão trabalhando com você veem que você está sempre incentivando os outros a pensar de forma inovadora ou criativa, ou que está constantemente desafiando os outros de uma forma positiva para fazer mais – para chegar mais longe, para assumir riscos – então eles se sentirão com poder para fazer o mesmo.

Como humanos, somos muito suscetíveis a comportamentos aprendidos, especialmente quando esses comportamentos se repetem na nossa frente continuamente. Quase inconscientemente, começamos a exibir os mesmos comportamentos. Se esses comportamentos produzirem resultados positivos ou mesmo sentimentos positivos, naturalmente desejaremos gastar energia para recriar esses comportamentos; em outras palavras, somos inspirados a fazer o mesmo.

Inspirar alguém exige que você, como líder, aja com energia positiva, mesmo quando as coisas ficam difíceis. Sua crítica deve ser honesta, mas encorajadora, e suas reprimendas devem ter uma alternativa positiva anexada. Seus elogios devem ser efusivos e abrangentes, envolvendo o maior número de pessoas possível por um trabalho bem executado. Suas decepções devem ser expressas como aprendizado, seus desafios como exercícios de fortalecimento e seus fracassos como oportunidades de crescimento.

A liderança com propósito envolve a criação de uma lente de oportunidade que toda a equipe analisa ao abordar cada empreendimento. Significa anexar essa lente a uma mentalidade de “posso fazer”. Na verdade, inspirar aqueles que trabalham com você envolve se comportar de uma maneira que essas pessoas queiram imitar seu comportamento, porque isso as faz se sentir bem ou confiantes em si mesmas e permite que elas visualizem essa aspiração de sucesso para si mesmas.

Como um líder decidido, você deve ser atencioso e deliberado em suas ações para motivar aqueles que estão trabalhando com você a dar o melhor de si em cada compromisso. Inspirá-los com suas ações e seu comportamento será muito mais impactante do que ditar o que devem fazer, porque permite que eles tragam seus melhores pensamentos, suas melhores soluções e sua melhor criatividade para o empreendimento, produzindo melhores resultados para você como líder e pelo sucesso de toda a sua equipe.


Texto de Carla Harris via GLS
Vice-presidente, diretora administrativa e consultora sênior de clientes na Morgan Stanley

Posts Relacionados

Deixeum comentário